Google+ Badge

PROSÓDIAS

FACEBOOK

FESTINA LENTE PELO MUNDO

Map
Loading...

Follow by Email

BO ! (aramaico)

abril 17, 2006

"Desespelho"_Oficina, mote: "Elevador",de Valério Oliveira

03, 2006
Desespelho

Por Marco Bueno

Espelho, espelho meu,
Existe alguém no mundo?
Sim! O pressentido, que ousa.

Quando não refrata teu corpo
No corpo reconhecido;
No gozo que a especulava
Só para descapturá-la.

Seqüestrada pelo invisível do seu cio,
Há meses carente desse sinto-no-sinto,
Desse vejo, no vejo refletido
Na barbárie de desfragmentá-la.

Por puro desespelho, no fundo, ousa
Com dedos, restaurá-la plena em pelo
Em plena nudez da visibilidade.
Aquela que não aliena, quebra o espelho!

Espelho, espelho meu-
Que não exista alguém no mundo
Que não me seja apenas eu.


# posted by Sergio : 5:46 PM 1 comments
Postar um comentário